sexta-feira, 17 de junho de 2016

Confreira Maria Lucia Lopes, restaura o jazigo da Família



A arquitetura do Cemitério Municipal de Palmeira, se bem observada, vai nos apresentar várias peculiaridades. São edificações que marcam períodos  e tendências . Uma das curiosidades daquele campo santo é que ali se encontra a única construção do estilo gótico em Palmeira. Trata-se do jazigo da família Maciel, construído em 1919 por Domingos Ferreira Maciel, onde estão sepultados o próprio Domingos, Maria de Jesus Maciel, irmã do Coronel Ottoni Ferreira Maciel. Sadi Leonardo Lopes, que foi diretor e professor do Colégio Estadual D. Alberto Gonçalves, Mirian Maciel Lopes, mãe de Maria Lucia, entre outros.

Sadi Leonardo Lopes é o nome da cadeira nº 59 do Instituto Histórico e Geográfico de Palmeira, ocupada pela confreira Maria Lucia, que encontrou uma forma muito particular em homenagear seu patrono e demais familiares. Com recursos próprios, restaurou o jazigo da família, considerado patrimônio histórico do Município.
Parabéns confreira, pela iniciativa. Que essa atitude seja encorajadora para as demais ilustres famílias palmeirenses que ali tem seus antepassados enterrados, cujos jazigos estão perecendo historicamente, precisam ser restaurados.


 “A Memória é a consciência inserida no tempo”Fernando Pessoa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário