segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Visões do Passado - Sapataria de Elias Mayer

Por: Luiz Gastão Gumy
______________________________________________________



Elias Mayer nasceu em Palmeira no dia 02 de junho de 1915, foi o 2º filho de Jacob João Mayer e Paulina Gorska Mayer.
Aos 20 anos de idade foi trabalhar em Ponta Grossa. Voltando para Palmeira prestou serviços na selaria do Sr. Adélio de França por muito tempo. Mais tarde resolveu trabalhar como autônomo e em data de 16/09/1939 sob nº de ordem 370 do livro de registro de entradas de petições em sua página nº 85 da Prefeitura Municipal de Palmeira, deu entrada no requerimento para abertura de sua empresa e em data de 16/10/1939 o Sr. Augusto Staschmidt expediu a licença assinada pelo prefeito Sr. João Chede e a sapataria começou a funcionar com endereço à Rua Jesuíno Marcondes, nº 46 próximo ao Supermercado Gamelão.


Numa festa em honra ao Divino Espírito Santo, viu pela primeira vez, uma jovem morena, bonita e disse a um amigo: vou casar com aquela moça. Em 26 de setembro de 1940, Elias Mayer e Izabel Bornancim Mayer receberam o sacramento do matrimônio na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.
O mundo estava em conflito: era a Segunda Grande Guerra Mundial, e tudo era difícil. Com muito trabalho e sacrifício, trabalhando 16 horas por dia na sapataria, o Sr. Elias terminou de pagar a casa, seu grande orgulho.
Então vieram as três filhas: Maria da Conceição, Maria Elisa e Maria de Lourdes. Sempre atentos à sua educação, Elias e Izabel passaram valores morais e religiosos que nortearam suas vidas mais tarde dedicadas ao Magistério.
Elias Mayer faleceu em 18 de agosto de 1993 aos 78 anos de idade e Izabel Bornancim Mayer em 28 de junho de 2000, aos 86 anos de idade, deixando como legado à sua família a honestidade, o trabalho, a religiosidade, a caridade, a justiça e o amor tão grande que tinham por Palmeira.
Arnoldo Monteiro Bach (Escritor) conserva em sua propriedade no Sítio Minguinho, o Memorial dessa sapataria em homenagem a esse ilustre cidadão palmeirense, Elias Mayer.


Nenhum comentário:

Postar um comentário